• DO POLITICAMENTE CORRETO

    Os presidentes Barack Obama (EUA) e José Mujica (Uruguai) aplaudem na ONU a cantora colombiana Shakira, a bela da música pop.

     

                                        DO JEITO QUE AS ‘MINORIAS’ NÃO GOSTAM

    SDV PELO MUNDO AFORA – O presidente Barack Obama teve que se retratar porque fez os seguintes comentários sobre a procuradora-geral do estado da Califórrnia, Kamala Harris:

    “É brilhante, é comprometida, é rígida. Também é, de longe, a procuradora-geral mais bonita do país”. A frase, dita pelo presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, para elogiar a beleza da procuradora-geral da Califórnia, Kamala Harris, rendeu críticas ao presidente, que pediu desculpas, segundo informou nesta sexta-feira um porta-voz da Casa Branca. Os críticos apontaram que a frase dita por Obama soou machista. O presidente “é perfeitamente consciente das dificuldades das mulheres em seus locais de trabalho e (acredita) que elas não deveriam ser julgadas por seu físico”, disse o porta-voz da Casa Branca.

    Já o ex-tupamaro velho de guerra e atual presidente do Uruguai, José Mujica, também teve ‘problemas’ ao vazar comentários sobre a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, sem saber que estava sendo gravado:

    “É pior que seu marido, o falecido Néstor Kirchner”. “Essa velha é pior que o zarolho”, disse Mujica, durante uma coletiva de imprensa. Ele acrescentou que “para conseguir alguma coisa” de Buenos Aires é preciso pedir primeiro ao Brasil e comentou, entre risos, o presente que Cristina deu ao papa Francisco durante um encontro realizado após sua nomeação. “A um papa argentino que viveu 77 anos foi explicar o que é um mate, uma garrafa térmica”, satirizou.

    A esses tantos ‘miosótis’ e ‘não-me-toques’, só mesmo a voz rouca dos estádios de futebol:

    “Ei, politicamente correto, vai tomar no reto!!!”


     Leave a reply