• VAI VOANDO DE VASSOURA!

    A “Alcéia” da Petrobras, Maria das Graças Foster foi convidada hoje, 30 de outubro – véspera do Dia das Bruxas – (uma data cultural lá do país de Pasadena), para se explicar sobre mais um ‘auxílio bolivariano’, desta feita sobre um pagamento extra no valor de US$ 434 milhões feito pela estatal brasileira à Bolívia pelo envio de um excedente de gás natural do país vizinho ao Brasil. Caso aceite o convite, a ‘presidenta’ da Petrobras já pode escolher a maneira mais rápida e ‘emblemática’ de ir ao Senado…

     

                COMISSÃO DO SENADO APROVA CONVITE PARA OUVIR GRAÇA FOSTER

    O ESTADÃO / EXAME.COM, por Ricardo Brito (Brasília) – A Comissão de Relações Exteriores (CRE) do Senado aprovou nesta quinta-feira, 30, um convite para ouvir a presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, sobre um pagamento extra no valor de US$ 434 milhões feito pela estatal brasileira à Bolívia pelo envio de um excedente de gás natural do país vizinho ao Brasil.

    Por se tratar de convite, de acordo com o regimento interno da Casa, Graça Foster não é obrigada a comparecer.

    Autor do requerimento de convite, o presidente da CRE, senador Ricardo Ferraço (PMDB), quer que Graça participe, até o final do ano, da audiência pública conjunta da comissão que preside e da Comissão de Serviços de Infraestrutura (CI) para tratar do assunto.

    “Dessa forma, tendo em vista a importância da Petrobras para o País e a gravidade do que foi noticiado, é que requeiro a realização de Audiência Pública, com a máxima urgência possível”, justificou o senador capixaba, no requerimento.

    O pedido tem como base reportagem do jornal Folha de S.Paulo do dia 19 de agosto que relata a celebração do acordo entre a Petrobras e o governo boliviano.

    Segundo a matéria, a negociação foi iniciada há mais de sete anos, ainda no governo do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva, durante visita ao presidente da Bolívia, Evo Morales, ao Brasil.

    No dia 17 de outubro, o jornal O Estado de S. Paulo mostrou que o Ministério Público Junto ao Tribunal de Contas da União (TCU) decidiu pedir a abertura de uma auditoria para apurar eventual dano ao erário na operação. O ministro José Jorge, do TCU, aceitou o pedido do MP e passou a investigar a transação.

    Ricardo Ferraço disse esperar que a presidente da Petrobras compareça à reunião, que ainda não tem data prevista, por uma questão de “deferência”, como qualquer outro integrante do Poder Executivo deve ter com o Congresso.

    Em caso de recusa de Graça Foster, ele não descartou aprovar futuramente uma convocação – o que obriga a autoridade a comparecer ao Legislativo.

    O presidente da CRE, entretanto, disse que a praxe do colegiado não é convocar, mas sim convidar. “Na medida em que o convite não é organizado, não é planejado, pode evoluir para uma convocação, não descarto essa hipótese. São todos temas muito relevantes para o País”, reforçou.


  • MAIS UM CHUPA-SANGUE

    João Vaccari Neto é um sindicalista bancário vinculado ao PT e seu atual Secretário de Finanças e Planejamento. Ele foi presidente da BANCOOP (Cooperativa Habitacional dos Bancários de São Paulo), conhecida por ser supostamente usada para beneficiar o caixa dois do PT. Ele também é membro do Conselho de Administração da Itaipu Binacional.

     

                           TESOUREIRO DO PT DECIDE DEIXAR CONSELHO DA ITAIPU

    ESTADÃO / Tânia Monteiro – Atingido pelas denúncias no escândalo da Petrobras, o tesoureiro do PT, João Vaccari Neto, vai deixar o Conselho de Administração da Usina Hidrelétrica de Itaipu, antecipando em um ano e meio o final do seu mandato no cargo. Segundo o presidente do partido, Rui Falcão, o afastamento de Vaccari é uma decisão do governo que se alia a uma vontade do tesoureiro de “se concentrar mais nas atividades” da legenda.

    O anúncio da saída é providencial para a campanha de Dilma, desconfortável com os ataques dos adversários contra Vaccari. “Não há nenhuma denúncia comprovada envolvendo o companheiro Vaccari”, afirmou Falcão nesta quarta, 21. O dirigente acrescentou que ele permanece cuidando das contas do PT. “Não há nenhuma razão para substituí-lo.”

    Segundo o presidente do PT, Vaccari lhe disse que deixaria Itaipu “antes do surgimento das denúncias infundadas”. O mandato de quatro anos no conselho da Itaipu, para o qual Vaccari foi reconduzido em 17 de maio de 2012, só expiraria em 16 de maio de 2016.

    MUNIÇÃO

    Apesar de assessores do Planalto acharem que Vaccari deveria mesmo deixar o posto de imediato, a tese é repudiada por outras correntes internas da campanha de Dilma. Há quem ache que isso será uma “confissão de culpa” e que poderá “dar munição” para o candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves (PSDB), no debate da TV Globo, nesta sexta, 23.

    No debate da TV Record, no domingo passado, Aécio destacou que Dilma reconheceu que houve desvios na estatal e questionou a presidente se o tesoureiro do PT vai continuar na função de conselheiro de Itaipu após ser citado nas denúncias do ex-diretor Paulo Roberto Costa. Por três vezes, o tucano perguntou a Dilma se ela confiava em Vaccari.

    O tesoureiro do PT foi acusado pelo ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa e pelo doleiro Alberto Youssef de participar de esquema de arrecadação de propina para a sigla.

    Falcão prometeu mudanças no partido para o período pós-eleitoral. Disse que as acusações de Aécio Neves à presidente Dilma ao invés de atingi-la, provocaram um “efeito bumerangue”. “A agressividade, as denúncias forjadas, o tom de voz, o menosprezo em relação às mulheres, tudo isso está provocando um efeito inverso ao que ele pretendia. Ele está provando do próprio veneno”, comentou.

    Questionado se haverá um saneamento do partido por causa das denúncias, Falcão respondeu: “O PT não convive com malfeitos e atos de corrupção”


  • LÁ & LÔ

                Ilustração do cartunista Thomate.

     


    “Vou simbora pro meu Ceará porque lá tenho um nome

    Aqui não sou nada, sou só Zé com fome
    Sou só Pau de Arara, nem sei mais cantá…

    Vou picá minha mula, vou antes que tudo arrebente
    Porque tô achando que o tempo tá quente
    E pior do que antes não pode ficar”.


    (Última estrofe de “O Comedor de Gilete”, música de Carlos Lyra e Vinicius de Moraes, que ficou mais conhecida como “Pau de Arara”, sucesso com Ary Toledo).


  • “APARIÇÃO”

                 Crédito da foto: Portal Informe PE.



    CALDEIRÃO DOS MITOS

       (Bráulio Tavares – 1980)

    Eu vi o céu à meia-noite
    Se avermelhando num clarão
    Como o incêndio anunciado
    No Apocalipse de São João
    Porém não era nada disso
    Era um corisco, era um lampião.

    Eu vi um risco nos espaços;
    Era o revôo de um sanhaçu;
    Eu vi o dia amanhecendo
    No ronco do maracatu;
    Não era a lança de São Jorge,
    Era o espinho do mandacaru.

    Vi um profeta conduzindo
    Pros arraias as multidões
    Pra construir um chão sagrado
    Com espingardas e facões;
    Não foi Moisés na Palestina,
    Foi Conselheiro andando nos sertões.

    Eu vi um som na escadaria
    Do re-mi-fa-sol-la-si-do;
    Não era o eco das trombetas
    De Josué em Jericó;
    Era um fole de oito baixos
    A toca numa noite de forró.

    Vi um magrelo amarelado
    Passando a perna no patrão;
    Não foi ninguém na Inglaterra
    Nem de Paris nem do Japão;
    Era Pedro Malazarte, era João Grilo
    E era Cancão.

    Eu vi um som ao meio-dia
    No meio do chão do Ceará;
    Não era o coro dos Arcanjos
    Nem era a voz de Jeová:
    Era uma cascavel, armando
    O bote balançando maracá.

    Vi uma mão fazer o barro
    Um homem forte, um homem nu;
    Um homem branco como eu
    Um homem preto como tu;
    Porém não foi a mão de Deus;
    Foi Vitalino de Caruaru.

     

    CLARÃO ‘MISTERIOSO’ NO CÉU SURPREENDE MORADORES DO NORDESTE

    FOLHA DE S. PAULO / UOL (De Recife) – Moradores de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte surpreenderam-se com um clarão repentino no céu por volta das 22h20 desta quarta-feira (15).

    O fenômeno que assustou muita gente e dominou as redes sociais na região chama-se bólido ou fireball (bola de fogo), segundo a Sociedade Astronômica do Recife.

    “A vaporização dos meteoroides [corpos sólidos provenientes do espaço] na atmosfera produz um rastro luminoso de curta duração e um rastro ionizado de longa duração. Alguns desses corpos têm tamanhos maiores o suficiente para produzirem um rastro com aspecto de uma bola de fogo”, diz nota da Sociedade.

    Segundo os astrônomos, a luminosidade é oriunda de aquecimento resultante do atrito com gases da atmosfera.

    Caso esse objeto espacial consiga chegar à superfície da Terra, recebe o nome de meteorito. Os astrônomos dizem que o mais provável é que ele tenha se desintegrado, pois, até a manhã desta quinta-feira (16) não havia relatos de nenhum meteorito encontrado.

    “Não precisamos entrar em pânico com os bólidos, isso é um evento natural e que ocorre a uma altura de aproximadamente 60 km acima do solo, na alta atmosfera”, diz a nota da Sociedade Astronômica do Recife.

    “Geralmente os bólidos chegam a explodir e são acompanhados por grandes estrondos parecidos com trovões e a um grande clarão azul, o que foi visto por muito mais pessoas”, informa o comunicado.

    Os astrônomos acreditam que o bólido visto na última noite está relacionado com uma chuva de meteoros comum nesta época do ano, entre os dias 14 e 29 de outubro.

    Especialistas afirmam que chuvas de meteoros acontecem anualmente porque a Terra passa por diversos detritos deixados no espaço por cometas.

    A chuva que acontece neste período do ano é causada por detritos do rastro do cometa Halley, que passa perto da Terra a cada 76 anos. A última passagem aconteceu entre 1985 e 1986.


  • COMO QUEM TROCA DE CANDIDATO E PARTIDO…



    TROCA DE PNEU

    Sento-me à beira da estrada.
    O motorista troca o pneu.
    Não quero estar lá, de onde venho.
    Não quero estar lá, aonde vou.
    Por que assisto à troca do pneu
    com impaciência?


    Bertolt Brecht

    (tradução de Ricardo Domeneck)


  • DILMA CARALHO, AÉCIO BUCETA E MARINA CU! (*)

     

         PRESIDENCIÁVEIS FAZEM GESTOS OBSCENOS E TROPEÇAM DIANTE DAS CÂMERAS

    UOL – Videorreportagem mostra os erros de comunicação de Dilma Rousseff, Marina Silva e Aécio Neves durante a campanha. Em debates, entrevistas e sabatinas, eles escorregaram diante das câmeras, fazendo até gestos obscenos durante suas falas. Visite o UOL Eleições.


    Nota do SDV ( * ): no próximo domingo, dia 5 de outubro, os eleitores brasileiros farão suas opções!