• ADEUS ANO VELHO!

    lula_mudança

     

    “Não se aborreça moço da cabeça grande
    Você vem não sei de onde
    Fica aqui não vai pra lá
    Esse negócio da mãe preta ser leiteira
    Já encheu sua mamadeira
    Vá mamar noutro lugar”


    (Estrofe de “Cada Macaco No Seu Galho” / Riachão)

     


  • 2011…

    ser-feliz

     


     FELIZ FIM DO MUNDO

     Texto de Rui Martins
      (Jornalista e escritor) 


    Berna (Suiça) – É uma história de ficção científica ou estamos mesmo vivendo, ao vivo e em cores, uma importante mudança climática que se realiza só em períodos de milhões de anos?

    Não resta dúvida que presenciar um acontecimento tão extraordinário é uma chance sem igual. Antes de nós, parece terem sido os dinossauros os contemplados pela natureza.

    Em decorrência da poeira levantada com o choque de um meteoro com nosso planeta, dizem os cientistas ter se criado uma espessa camada de fumaça e material particulado em torno da Terra, impedindo a chegada dos raios solares à superfície.

    As plantas morreram por falta de sol, os dinossauros morreram por falta de plantas e dos animais que as comiam. Mas, dessa enorme catástrofe que fechou um ciclo, abriram-se as portas para o surgimento dos pequenos mamíferos, de onde acabou surgindo o homem.

    Um estudo científico sobre o aquecimento da Terra, publicado nestes últimos dias, foi bastante alarmista. Imaginavam os cientistas – dizia o estudo – um aumento de 2 a 6 graus na superfície da Terra em decorrência do efeito estufa. Ora, as últimas observações teriam favorecido a pior hipótese – a de um aquecimento de 6 graus nos próximos 50 anos.

    Trocando em miúdos, isso quer dizer um aumento do nível do mar de um metro, o fim de um grande número de geleiras, o fim do esporte do esqui, uma carência de água, deslizamentos e avalanches nas montanhas elevadas até agora protegidas pelo congelamento da superfície, tempestades antes nunca vistas, em síntese, os elementos em fúria.

    Vai ser o fim do mundo? Provavelmente sim, o fim do mundo como o conhecemos. Depois de um século de invenções e transformações humanas, que revolucionaram transportes, comunicações, medicina, tudo enfim, no mundo em que vivemos, seria agora a vez da natureza.

    Com a quebra do equilíbrio ecológico do mundo que nossos pais, avós e avós dos nossos avós conheceram, a natureza estaria se preparando para nos surpreender com enormes mudanças de cenário. Como cansada da mesma cena por tantos milênios, a natureza teria decidido derrubar o surrado palco no qual vínhamos vivendo, para construir outro diferente.

    Alguns cientistas imaginam algumas novidades em preparação, mas nenhum deles tem uma cópia do projeto definitivo, mesmo porque, desde que o mundo é mundo, tudo se faz por acaso e necessidade. A bela história de um criador arrumando aqui, retocando ali, já vai se juntando à mitologia grega, por ser desmentida a cada catástrofe provocada pela violência dos elementos.

    Sem perguntarem quem mora em cima, os continentes se movem, provocam abalos sísmicos, maremotos, tsunamis iguais ao efeito de um balde d´água num formigueiro. A doçura da natureza, pintada pelos poetas, ou a sabedoria da natureza pregada pelas religiões nada tem a ver com a realidade. A natureza é cega, obedece a leis de gravitação ou pressões atmosféricas, como nas catástrofes agora anunciadas. Ou violenta, como a lei da selva, da qual participamos como os maiores e mais temíveis predadores do planeta.

    Só que com nosso aumento em número, nossas indústrias, nossos transportes provocam a quebra do ecossistema. Fomos poluindo, poluindo tudo, mas principalmente a atmosfera. Dizem os cientistas que mesmo se parássemos hoje todo tipo de poluição, o processo iniciado da destruição do nosso mundo está ativado por, pelo menos, duzentos anos.

    O homem vai desaparecer e confirmar as crenças apocalípticas de todas as supersticiosas religiões? Provavelmente não, somos um bicho resistente, sem roupas e sem armas sobrevivemos milhões de anos. Com o nosso know-how atual acharemos um jeito de nos adaptarmos. Mas este mundo de hoje está no fim, adeus mundo velho, feliz mundo novo.

     


  • FILHOTE DO PAPITO

    fabinho luiz                                   Fábio Luís, o Lulinha.

     

                                     EMPRESA PAGA ALUGUEL DE 12 MIL DE LULINHA
     


    “Eu não tenho onde morar
    É por isso que eu moro na areia.

    Eu nasci pequenininho
    Como todo mundo nasceu
    Todo mundo mora direito
    Quem mora torto sou eu.

    Eu não tenho onde morar
    É por isso que eu moro na areia.

    Vivo na beira da praia
    Com a sorte que Deus me deu
    Maria mora com as outras
    Quem paga o quarto sou eu.

    Eu não tenho onde morar
    É por isso que eu moro na areia” ( * )


    FOLHA.com – Um dos filhos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Fábio Luís, mora desde 2007 em apartamento alugado por R$ 12 mil nos Jardins, bairro nobre de São Paulo. Quem paga a conta é uma empresa com contratos com vários governos, entre eles o federal.

    Lulinha, como Fábio Luís é conhecido, não é sócio da empresa que paga o aluguel. O Grupo Gol, que alugou o apartamento, é do empresário de mídia e mercado editorial Jonas Suassuna, sócio de Lulinha em um outro negócio, a empresa de conteúdo eletrônico Gamecorp.

    Primo do ex-senador Ney Suassuna (PMDB-PB), Jonas fez fortuna com venda de CDs da Bíblia gravados por Cid Moreira. Procurado pela Folha, Jonas disse que não vai mais pagar o aluguel para o filho do presidente.

    A Folha apurou que até hoje é Suassuna quem paga o aluguel, e o dono do imóvel não havia sido contatado até a semana passada para discutir mudança no contrato, informa reportagem de José Ernesto Credendio e Andreza Matais, publicada nesta quinta-feira.

    Outro lado

    Lulinha disse à Folha que foi morar com o amigo em 2007, quando se separou. “Ele arcava com o aluguel e eu entrei com os móveis da minha antiga residência e assumi as despesas do apartamento. Há quatro meses pedi para ficar com todo o apartamento, pois me tornei pai, e estamos transferindo o contrato para meu nome.”

    Filho do dono do imóvel, o advogado Vladmir Silveira disse que não sabia que o filho de Lula era seu inquilino. “Quem alugou foi o Grupo Gol. O Jonas assina como proprietário dela e fiador, na física”, escreveu, por e-mail.

    A reportagem está disponível para assinantes da Folha e do UOL.

     
    Nota do SDV ( * ): “Eu Não Tenho Onde Morar”, música de Dorival Caymmi.

     


  • “COM QUE ROUPA?”

    bruja                         “Yo no creo… pero que las hay, las hay!”
     

                    VESTIDO QUE DILMA USARÁ NA POSSE VIRA “SEGREDO DE ESTADO”

    Em Brasília, UOL tenta desvendar qual será a roupa que a presidente eleita Dilma Rousseff usará na cerimônia de posse no dia 1º de janeiro. Especialistas em moda avaliam modelitos…

     

  • ARENGA DAS DUNAS

    arena-das-dunas               Maquete da “Arena das Dunas” para a Copa do Mundo de 2014, no lugar do velho Machadão (Natal/RN).

     

    Do ermo do deserto
    Das areias do Sinai

    Ou lá da Casa de Noca
    Perto da Casa do ‘Carai’

    O gringo vem pra Natal
    Vestido de Samurai

    Pensando que vai ter copa
    Mas meu amigo, não vai!


    (GM)


    Nota do SDV: De súbito, após entrevero verbal por telefone travado por este blogueiro e o amigo e parceiro musical, jornalista Moisés de Lima.

     


  • NOSTRADAMUS E COSA NOSTRA

    lula-nostra-5As Centúrias de Don Inácio…


    EM PERNAMBUCO, LULA DIZ QUE DILMA “VAI FAZER MAIS” E QUE BRASIL SERÁ  5ª ECONOMIA DO MUNDO EM 2016


    UOL / Carlos Madeiro (Ipojuca) – Em sua última visita oficial a Pernambuco, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva elogiou nesta terça-feira (28), em Ipojuca, a nova equipe do governo, que toma posse no sábado (1°) e afirmou que a presidente eleita, Dilma Rousseff, “vai fazer mais” do que foi realizado em seu governo.

    O presidente participou da cerimônia de lançamento da pedra fundamental da fábrica da Fiat, no complexo industrial portuário de Suape. A solenidade contou com a participação do presidente mundial da montadora, Sergio Marchionne, do governador do Estado, Eduardo Campos (PSB), e de ministros, empresários, políticos e autoridades.

    “A companheira Dilma vai fazer um extraordinário governo. Ela não vai apenas dar sequência, vai fazer mais. O carro já está andando a 120 km/h, e ela pode aumentar para 130, ela pode reduzir 119 na curva. Só não pode deixar sair da pista”, disse.

    Para Lula, o crescimento econômico do país o fará ser a quinta economia do mundo em 2016. “Quando a gente olha o mundo hoje, digo, sem medo de errar, que o Brasil será a 5ª economia do mundo até as Olimpíadas [de 2016, no Rio]. Das hidroelétricas do mundo, as três maiores estão no país; nenhum país está fazendo cinco refinarias, como estamos fazendo hoje; não tem nenhuma empresa de petróleo no mundo que invista o que a nossa Petrobras está investindo”, afirmou.

    Segundo Lula, a chegada ao “G5” pode ocorrer ainda antes, devido às escolhas de Dilma. “Conheço os ministros, a equipe econômica, a presidente Dilma. Eu estou falando em 2016, mas no que depender da vontade deles, podemos chegar ainda antes”, afirmou.

    Emoção

    Em tom emocionado, diante de dezenas de operários, o presidente disse que o maior legado de seu governo é “mostrar aos trabalhadores que vocês também podem vencer”.

    “A minha chegada ao poder tinha que mudar o patamar de governança. Eu tinha que provar a cada dia que teria condição de governar igual ou melhor que todos os doutores que passaram pela presidência. Tinha que provar não a mim, mas aos trabalhadores e aos pobres –que tinham me derrotado em 1989, 1994 em 1998 por desconfiança de mim. Eles olhavam e diziam ‘como eu posso votar em um igual mim? Que só tem até a quarta série?’ E eu tinha que provar a cada um de vocês que a determinação e cada um de nós pode levar à presidência, ao governo do Estado ou uma prefeitura.”

    Lula ainda voltou a alfinetar os antecessores e disse que continua com disposição ao trabalho, a três dias de passar a faixa, por conta das obras que tem a inaugurar. ”Alguém poderia estar se perguntando nesse momento porque o presidente Lula continua viajando o Brasil como se ele não tivesse que entregar o cargo no próximo sábado. Era hábito da política brasileira as pessoas não trabalharem no último ano, nos dois últimos; outros não trabalhavam pela manhã; outros que, em dezembro, desapareciam. Mas sabe por que o Lula está se metendo a trabalhar? Porque nem todos os presidentes tiveram o gostoso prazer de inaugurar a quantidade de obras que eu tenho para inaugurar. Estamos colhendo aquilo que plantamos em momentos difíceis”, afirmou.

    Mais visitas

    Ainda nesta terça-feira, em Recife, o presidente tem outros compromissos públicos. No centro da capital pernambucana, Lula assina a ordem de serviço para início das obras do memorial em homenagem a Luiz Gonzaga. Os investimentos previstos no local são de R$ 23,5 milhões. Também fará a cessão de um terreno para a Associação Orquestra Criança Cidadã dos Meninos do Coque.

    À noite, o PSB oferecerá uma grande festa de homenagem ao presidente com shows gratuitos no Marco Zero, no bairro do Recife Antigo. Estão previstas as apresentações de cantores pernambucanos, como Alceu Valença, Geraldo Azevedo e Maciel Melo. A expectativa é que cerca de 70 mil pessoas acompanhem a despedida oficial do presidente.

     


  • O FORRÓ STALINISTA DO LULISMO

    Dominguinhos_3                      Dominguinhos é descartado em seu próprio estado.

     

                                                          CENTRO CULTURAL

    Dominguinhos é barrado na festa para Lula e Gonzagão – O sanfoneiro herdeiro do Rei do Baião foi um dos que ficaram de fora do lançamento do Centro Cultural Cais do Sertão, último ato do presidente em seu Estado natal.


    Jornal da Besta Fubana (Blog) / Texto de José Teles – Dominguinhos com Targino Gondim e os sanfoneiros convidados: Joquinha Gonzaga (PE), Marco Farias (DF), Waldonys (CE), Arlindo dos Oito Baixos (PE), Camarão (PE), Pinto do Acordeom (PB), Luizinho Calixto (CE) e Jaiminho (PE). Conforme o site do Ministério da Cultura, esta era a grade dos artistas que participaria da cerimônia do lançamento oficial do projeto Centro Cultural Cais do Sertão Luiz Gonzaga, no Marco Zero, hoje, 17h, com a presença do presidente Luís Inácio Lula da Silva, do ministro da Cultura, Juca Ferreira, e do governador Eduardo Campos. Mas a grade com o nome das atrações foi mudada. Sai a do MinC, entra a do governo do Estado. Com nomes como Santanna, Maciel Melo e Roberto Cruz.

    Causou estranheza no meio do forró a ausência de Dominguinhos, Arlindo dos Oito Baixos, Joquinha Gonzaga (sobrinho do Rei do Baião) e Camarão, todos bastante ligados a Luiz Gonzaga, sobretudo Dominguinhos, afilhado artístico de Gonzagão e considerado o maior nome vivo do forró. Anselmo Alves, um dos mais atuantes pesquisadores e produtor desta área foi um que estranhou: “Não tenho nada contra as pessoas que substituiriam os nomes da primeira grade anunciada, mas acho que é preciso respeitar Dominguinhos, Camarão, Arlindo, Joquinha, que fizeram parte da história de Gonzaga, e que inclusive cancelaram compromissos para participar deste evento. Embora tenha seu nome na grade, o mestre Camarão, que tocou durante vários anos com Luiz Gonzaga, diz que não foi convidado para este show: “Não falaram comigo, não recebi convite para participar”.

    Armando Almeida, assessor do ministro Juca Ferreira, por telefone, de Brasília, diz que devido a equipe estar diminuída no período natalino, o site não foi atualizado. “No final do ano ficamos com metade de pessoas trabalhando. Há um revezamento”. Segundo ele, a mudança aconteceu por uma falta de sintonia com o governo de Pernambuco, e também em face da disponibilidade do presidente Lula. “Mudamos as datas para que o presidente comparecesse. Como ele precisa viajar no dia 29, foi preciso diminuir o número de artistas”, justifica.

    Quanto à mudança de programação, Almeida explica a falta de sintonia: “Eles já tinham uma programação pronta, e como a gente não tinha ainda assinado contrato com os artistas que convidamos, foi mais fácil cancelar nossa programação.

    DOMINGUINHOS

    O cancelamento surpreendeu Dominguinhos. “Não me pergunte, porque eu não sei. O que sei é que estava no Diário Oficial da União, meu nome, de Arlindo, Camarão. De repente a programação caiu, e entrou o pessoal de Pernambuco”, diz Dominguinhos, em entrevista por telefone, de Fortaleza. Normalmente cordato, de falar baixinho, Dominguinhos não esconde sua irritação: “Chamaram a gente, mas nem tinha contrato assinado, e acho uma falta muito grande de respeito a Luiz Gonzaga, que conheci quando tinha oito anos de idade. Em 1954 fui morar na casa dele, convivemos até o fim de sua vida”, continua o sanfoneiro garanhuense.

    Para Dominguinhos há um ranço político na história: “Para eu tocar no Sítio da Trindade, foi preciso que um deputado, meu amigo, do PT, intercedesse. Quer dizer, para eu tocar na minha terra é preciso interferência de alguém? Será que fiquei fora deste evento agora porque não apoiei a candidata do presidente?”, queixa-se Dominguinhos, referindo-se à sua participação na campanha de José Serra. “Eu não sou obrigado a gostar de Lula. Aliás, conheço ele desde o tempo de metalúrgico, quando estava em ascensão, várias vezes fizemos show para ele, eu, Gonzaguinha, Chico Buarque e outros”, faz questão de frisar.

    PARA LULA

    A nova programação elaborada a pedido do gabinete do governador Eduardo Campos conta com os cantores Alceu Valença e Geraldo Azevedo e forrozeiros ligados a Associação Forró Pé de Serra e Ai. A representante Teresa Accioly afirma que havia realmente uma programação com os forrozeiros ligados à entidade. “Até então seria uma apresentação para o presidente Lula, na Malakoff, uma coisa mais intimista. Dia 23 anunciaram os nomes que estariam no Marco Zero, e a programação já era outra coisa. Segundo me disseram não seria mais um show para Luiz Gonzaga, mas uma homenagem ao presidente. Tudo bem, mas eu acho de bom-tom que se cante Gonzaga, e sugeri ao pessoal para ensaiar músicas dele. Soube inclusive que Dominguinhos ficou aborrecido, mas não posso resolver. Atendi um convite do governo do Estado’, diz Tereza Accioly.

    Maciel Melo, Cristina Amaral, Santanna, Nadia Maia são alguns do forrozeiros que também participam do show de hoje. Maciel Melo, que é amigo do presidente Lula, estava na Ilha de Itaparica, na Bahia, quando recebeu, com surpresa, o convite, semana passada. Ontem, no site do MinC, anunciava-se o evento de hoje, mas sem citar nome de nenhum artista.



  • ROCKET MAN (*)

    David-Furnish-n-Elton-John-17258

     

           ELTON JOHN E MARIDO ANUNCIAM QUE SÃO PAIS COM BARRIGA DE ALUGUEL
     
    BBC BRASIL – O cantor Elton John e seu marido, David Furnish, anunciaram que se tornaram pais de um bebê nascido com a ajuda de uma mãe de aluguel.

    Segundo afirmou o casal ao site da revista americana “US”, o bebê do sexo masculino nasceu no Natal com 3,6 quilos e se chama Zachary Jackson Levon Furnish-John.

    “O Zachary está saudável e está muito bem. Nós somos pais muito felizes e orgulhosos”, disse um comunicado do casal.

    “Estamos inundados de felicidade e alegria neste momento muito especial”, completou o comunicado.

    Um representante de John e Furnish disse que eles pretendem proteger e respeitar a privacidade da mãe de aluguel e não farão comentários sobre os detalhes sobre como foi feita a inseminação.

    No ano passado, os dois, que se casaram oficialmente em 2005, após 12 anos vivendo juntos, tentaram adotar um órfão na Ucrânia.

    Porém as autoridades ucranianas disseram que o cantor, de 62 anos, era muito velho para a adoção e que seu casamento com Furnish não era reconhecido pela lei local.

     
    Nota do SDV ( * ): “Homem Foguete” – música de Elton John e Bernie Taupin, de 1972.

     


  • A MAQUIAGEM DA MAQUI

    dilma-chapeu                              Dilminha “Cienfuegos”

     
                KAMURA DIZ QUE FARÁ MAQUIAGEM E CABELO DE SEMPRE EM DILMA


    FOLHA.com (São Paulo) – O cabeleireiro Celso Kamura diz que fará “a maquiagem e o cabelo de sempre” em Dilma Rousseff (PT) no sábado, para a posse da presidente eleita, informa coluna de Mônica Bergamo, publicada na edição desta terça-feira da Folha (
    íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL).

    Ele escreveu na revista de seu salão sobre o primeiro encontro com Dilma e o trabalho com ela na campanha: “Dilma me recebeu em sua casa: alegre, simpática e muito mais magra e bonita pessoalmente do que em fotos – aliás, foi uma das primeiras coisas que comentei ao vê-la, que ela não era fotogênica”.

    Kamura também conta sobre o último conselho que deu a Dilma: “Eu disse a ela que só falta uma coisa para se tornar uma mulher realmente independente: aprender a se automaquiar!”.

     


  • CRISTINA PASSA A PERNA NA DILMINHA!

    cris2          Presidente argentina Cristina Kirchner

    DILMA3                                     Presidente eleita do Brasil Dilma Rousseff


                         PRESIDENTE ARGENTINA NÃO ASSISTIRÁ À POSSE DE DILMA

    EFE (Buenos Aires) – A presidente argentina, Cristina Fernández de Kirchner, não assistirá no sábado à posse da presidente eleita no Brasil Dilma Rousseff, e será representada pelo chanceler, Héctor Timerman, informaram à Agência Efe fontes oficiais.

    As fontes consultadas evitaram falar sobre os motivos que levaram Cristina a descartar vir à posse de Dilma, mas ressaltaram que a Argentina estará presente através de seu chanceler, que viajará acompanhado pelo secretário de Política Latino-Americana, Diego Tettamanti.

    O anúncio de Cristina causou surpresa entre a imprensa local, pela relação de proximidade que ela sempre manteve com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

    Após a vitória de Dilma no segundo turno das eleições presidenciais em outubro, Cristina a felicitou.

    Os chefes de Estado de Bolívia, Guatemala, Paraguai, Uruguai e Venezuela, a secretária de Estado americana, Hillary Clinton, e o Príncipe Felipe da Espanha foram alguns dos que confirmaram presença na posse de Dilma.