• FORA DO AR

    fui2

     

    Rocas Quintas

     
    Aviso aos navegantis qui “seu Draco” dixe qui nesse feriadão vai ficá “sem brógui, sem tuíte, sem imeio e sem orcuti das terras civilizadas”.

    Apois, pronto. Tá dado o recado e quem achá ruim qui vá arrecramá com ele. Quem quizé, tomém, pode sortá foguete de sastifação, apois só entrei aqui prá mode fazê um binifiço e um favô.

    “O Galo Informa despede-se do ar. Voltará em breve de qualqué lugá ou a qualqué hora, sempre qui você ouvi-lo cantá”.  (noticioso “O Galo Informa” da finada Rádio Poti, ZYB-5,  Natal-RN).

    NOTA DO REDATOR: Rocas Quintas é cobrador de ônibus da linha mais antiga de Natal, agora fazendo o trecho Rocas – Redinha, via “Ponte Nova”.


  • PEITINHO DE MOÇA POTIGUAR

    cabugi-arthur pipoloFoto de Arthur Pipolo 

     

    Diz que me ama
    Chapada do Apodi
    E farei a nossa cama
    No pico do Cabugi.

    Da Serra do Feiticeiro
    Às águas do Mal Assombrado
    Marcarei cada facheiro
    Deixando o mesmo recado:

    Vem, Itaretama
    Ver a lua numa poça
    Esquece quem te difama
    Meu lindo Peito de Moça!

    (GM)


  • A SANHA DOS COIOTES

    taylor mitchellA  jovem e graciosa cantora folk canadense Taylor Mitchell

     

    A cantora canadense Taylor Mitchell morreu nesta quarta-feira (28), depois de ter sido atacada por coiotes enquanto passeava pelas trilhas do parque natural Breton Highlands, no leste do Canadá.

    Aos 19 anos, Taylor Mitchell era já considerada uma das maiores promessas da música folk.

    Mitchell, que se encontrava em excursão pelas províncias canadenses, foi encontrada por um dos guardas do parque, que ouviu os seus gritos. No entanto, não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo horas depois no Hospital de Halifax.

    A diretora do parque disse que classifica o incidente como algo absolutamente “extraordinário”, uma vez que, segundo a própria, é raro os coiotes atacarem humanos.

    Indicada para os prémios de Música Folk do Canadá, na categoria de Revelação do Ano,Taylor Mitchell deixa aos fãs o álbum “For Your Consideration”.


  • A IURD TAMBÉM NÃO ME ILUDE

    lula e Edir

     

    Trecho do UOL Notícias-SP

    O presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou na quarta-feira (28) da inauguração do núcleo de novelas da TV Record no Rio de Janeiro e afirmou que a empresa ligada ao grupo neopentecostal Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) sofre preconceito por parte do resto da mídia brasileira. O mandatário disse também que deseja ver “outros canais competindo” para que aumente o acesso à informação e à cultura no Brasil.


  • QUINTANEANDO NAS ROCAS…

    Bob SatoliFoto de Bob Satoli – Canto do Mangue (Natal/RN) 


     
    Mario Quintana

    Estou sentado sobre a minha mala
    No velho bergantim desmantelado…
    Quanto tempo, meu Deus, malbaratado
    Em tanta inútil, misteriosa escala!

    Joguei a minha bússola quebrada
    Às águas fundas… E afinal sem norte,
    Como o velho Sindbad de alma cansada
    Eu nada mais desejo, nem a morte…

    Delícia de ficar deitado ao fundo
    Do barco, a vos olhar, velas paradas!
    Se em toda parte é sempre o Fim do Mundo

    Pra que partir? Sempre se chega, enfim…
    Pra que seguir empós das alvoradas
    Se, por si mesmas, elas vêm a mim?


  • DUNGA CONVOCA HULK, O ATACANTE PEITUDO DO PORTO

    Hulk

    hulk-azul                                               Givanildo Vieira de Souza, o Hulk

     

    Desconhecido no Brasil, o “peitudo” atacante do Porto foi revelado no Corinthians de Alagoas, com passagens rápidas pelo Vitória da Bahia e divisões de base do Sport Club Corinthians Paulista.      

    Givanildo Vieira de Souza, o Hulk, atacante do Porto de 22 anos, foi eleito o melhor jogador da liga portuguesa no mês de fevereiro deste ano e é um dos dez jovens jogadores mais promissores da Liga dos Campeões. Comparado pela imprensa portuguesa a Ronaldo, no auge da forma física, o jogador brasileiro combina variações de velocidade nos arranques para a grande área, mantendo um bom domínio de bola. O jovem jogador brasileiro possui uma técnica rara entre os artilheiros de fortes compleições físicas. Seus arremates potentes para o gol são motivos de preocupação para qualquer goleiro.

    “Tenho estado atento aos seus jogos. Vi, por exemplo, a exibição que ele realizou em Madrid, frente ao Atlético; foi muito boa”, comentou o técnico Dunga.

    (GM)


  • TANQUE COOL

    mulher no tanque

     

     
    “Lava roupa todo dia, que agonia
    Na quebrada da soleira, que chovia
    Até sonhar de madrugada, uma moça sem mancada
    Uma mulher não deve vacilar.

    Eu entendo a juventude transviada
    E o auxílio luxuoso de um pandeiro
    Até sonhar de madrugada, uma moça sem mancada
    Uma mulher não deve vacilar

    Cada cara representa uma mentira
    Nascimento, vida e morte, quem diria
    Até sonhar de madrugada, uma moça sem mancada
    Uma mulher não deve vacilar

    Hoje pode transformar, e o que diria a juventude
    Um dia você vai chorar, vejo clara as fantasias”.



    (Luiz Melodia – Juventude Transviada)


  • ARRIMOS DA PREFEITURA

    Prefeitura-bh

     

    Quem são esses pobres homens
    Com caras de Anacreonte
    Que sustentam a Prefeitura
    Daí de Belo Horizonte?

    O Bráulio já perguntou
    No Parque Municipal
    Em frente do Acaiaca
    E na Serra do Curral.

    E até no “pirulito”
    No coração da Cidade
    Rodoviária, Mercado
    E na Praça Liberdade.

    Na Savassi, no  Sion
    (Em Lourdes não volto mais)
    Na Federal e na PUC
    E redações de Jornais.

    Porém, nobres mineiros,
    Só não venham me dizer
    Que são três trabalhadores
    Militantes do PT!


    (GM)


  • COMO DIZ LEILA DINIZ…

    caveira

     

    COQUEIRO VERDE

    Erasmo Carlos

     

    Em frente ao coqueiro verde
    Esperei uma eternidade
    Já fumei um cigarro e meio
    E Narinha não veio.

    Como diz Leila Diniz
    O homem tem que ser durão
    Se ela não chegar agora
    Não precisa chegar.

    Pois eu vou me embora
    Vou ler o meu Pasquim
    Se ela chega e não me vê
    Sai correndo atrás de mim.


  • CATIRINA (*)

    catirina c matheus

     

    José Luís Rodrigues Calazans  (Jararaca)


    Catirina, cadê teus anelão?
    Alfinete de ouro, correntão…
    Catirina, cadê teus anelão?
    Alfinete de ouro, correntão…

    Catirina usava um trancelim
    Uma saia rodada com babado
    Punha oriza cheirosa no cabelo
    E chamava atenção do povoado
    E na feira, na festa onde ela estava
    Todo povo a ela perguntava:

    Catirina, cadê teus anelão?
    Alfinete de ouro, correntão…
    Catirina, cadê teus anelão?
    Alfinete de ouro, correntão…

    Catirina era filha lá da serra
    E nasceu por detrás do chapadão
    Onde ela chegava endoidava
    Os caboclos vaqueiros do sertão
    E cantando, sambando onde ela estava,
    Todo povo a ela perguntava:

    Catirina, cadê teus anelão?
    Alfinete de ouro, correntão…
    Catirina, cadê teus anelão?
    Alfinete de ouro, correntão…

    Catirina batia no zabumba
    E tocava viola e ganzá
    Ela era o prazer, a alegria
    No recanto, na vila, no arraiá
    Já velhinha, por onde ela passava,
    Todo o povo, baixinho, perguntava:

    Catirina, cadê teus anelão?
    Alfinete de ouro, correntão…
    Catirina, cadê teus anelão?
    Alfinete de ouro, correntão…

     
    (*)  O primeiro “rojão” gravado – 1930